Saiba tudo que é preciso para viver em Portugal!

Categoria(s): Viver em Portugal
03/06/20 17:08 - Atualizado a 1 mês

Quer viver em Portugal? As possibilidades são inúmeras, bem como as oportunidades.

Viver em Portugal oferece muitas vantagens, mas, uma vez tomada a decisão de mergulhar, falta ainda um passo decisivo.

Esse passo é o de proceder aos procedimentos administrativos de modo a se estabelecer como residente.

Sendo eles: segurança social, matrícula de veículos, compra ou aluguel de moradia, seguros.

Portanto, são vários procedimentos a serem realizados sem se dispersar correndo o risco de perder muito tempo e dinheiro.

Saiba como trabalhar em Portugal! Veja as melhores maneiras!

O que é preciso para viver em Portugal?

Primeiramente, as duas etapas iniciais e essenciais de viver em Portugal são obter seu número de contribuinte e, em seguida, abrir alguma conta bancária.

O número de contribuinte português denominado “Número de Contribuinte”, ele permite abrir uma conta bancária.

Também é sistematicamente solicitado durante certos procedimentos administrativos, matrículas escolares, etc.

Portanto, a fim de o obter, dirija-se à “Autoridade Tributária e Aduaneira” mais próxima com bilhete de identidade ou passaporte e comprovativo de residência.

A fim de abrir a conta bancária, precisará do “Número de Contribuinte”, identidade e um aviso de imposto de renda do ano passado na França.

A abertura da conta bancária servirá, entre outras coisas, para pagar um aluguel ou comprar alguma residência.

Quais as melhores cidades para viver?

A região Norte de Portugal é ainda uma das mais preservadas de Portugal. Está repleto de natureza, a flora e a fauna são excepcionais.

Em suma, tem muitas coisas a se fazer na região norte de Portugal, tem o mar e a montanha, uma bela mistura no qual não se encontra no resto de Portugal.

Dessa forma, aos amantes do vinho, há muitas adegas a se descobrir, os portugueses têm bons vinhos mesmo às vezes não sejam desconhecidos.

Porto: Pela terceira vez em seis anos, viajantes de 174 países de todo o mundo elegeram o Porto como o seu destino preferido na Europa em 2012, 2014, 2017.

Portanto, trata-se de uma cidade cheia de charme, intimista e cosmopolita, dessa forma, sendo uma boa escolha de local de se viver.

Coimbra (não oficialmente na região Norte), é a cidade universitária mais antiga de Portugal.

Contínua junto a um grande número de estudantes de todo o país, eles mantêm rituais e tradições estudantis.

Qual o custo de vida?

Primeiramente, o custo de viver em Portugal dependerá do estilo de viver de cada pessoa.

Portanto, de modo a gerar um orçamento preciso, é necessário considerar gostos e despesas.

No entanto, ainda que tenha havido um aumento do custo de se viver no país, não é caro viver em Portugal.

Se compararmos ao quanto custa viver em outros países como Itália, por exemplo, Portugal é a melhor opção.

Viver no Brasil, há enorme cobrança de impostos, sem oferecimento de serviços públicos com qualidade, Portugal é o contrário, sendo uma excelente escolha.

viver em portugal

Sobre o visto para viver em Portugal

Portugal é famoso devido ao seu excelente ensino público, principalmente ao ensino superior.

Portanto, é um dos principais motivos dos brasileiros preferirem viver nesse país.

Devido a isso, há maneira mais fácil de conseguir a permissão de residência de viver em Portugal é obtendo o visto de estudante.

Além disso, em razão dos acordos no qual o Brasil apresenta com Portugal, determinados trâmites legais são facilitados nos vistos de:

  • Estudante;
  • Dupla Cidadania Portuguesa;
  • Trabalho;
  •  Rendas Próprias (caso dos aposentados);
  • Autorização de Residência Permanente;
  • Empreendedor e Golden Visa.

É possível, ainda, requisitar a cidadania portuguesa ou de outro país europeu, se tiver ascendência portuguesa ou europeia.

Dessa forma, caso já esteja em Portugal, pode dar início aos trâmites de todos os papéis da solicitação da cidadania luso-brasileira, sem necessitar do visto.

Quais os documentos necessários

Primeiramente, deve-se consultar o estatuto de residente não habitual (RNH), ele foi criado no ano de 2009 a fim de auxiliar a entrada de estrangeiros no país.

Tinha o objetivo de atrair até Portugal profissionais estrangeiros de elevado valor acrescentado e reformados do sector privado.

Você pode acessar o site do Portal das Finanças do governo Português e verificar as perguntas mais frequentes sobre obter o visto e viver no país.

De modo a obter o estatuto de RNH deve preencher as seguintes condições:

  • Não ter residido em Portugal nos últimos 5 anos;
  • Estar reformado;
  • Ou fazer parte da lista de profissões de alto valor acrescentado.

As profissões são as seguintes:

  • Arquiteto, engenheiro;
  • Artista e músico;
  • Auditor, contador, controlador de gestão;
  • Médico, dentista, psicólogo, veterinário;
  • Professor;
  • Autônomo, criador de negócios;
  • Investidor, gerente, diretor executivo.

O ideal é considerar todos os trâmites fazendo parte desse país tão bonito e cheio de oportunidades a todos, sem nenhuma exceção.

Como estudar em Portugal? Saiba todos os processos!

Conteúdos relacionados à este

Saiba tudo sobre a aposentadoria em Portugal!

Saiba tudo sobre a aposentadoria em Portugal!

Primeiramente, nesse artigo você vai saber como funciona a aposentadoria em Portugal com diversas dicas. As vantagens de uma reforma em Portugal são inúmeras e explicam porque tantos reformados franceses fizeram esta escolha.  A primeira, além do clima mediterrâneo de...

ler mais
Saiba como fazer a Transcrição de óbito em Portugal!

Saiba como fazer a Transcrição de óbito em Portugal!

Primeiramente, saber realizar a transcrição de óbito em Portugal, pode facilitar os trâmites. O falecimento de um cidadão de Portugal no qual aconteceu fora do país de origem deve ter comunicação de forma obrigatória ao órgão de Registro Civil. O procedimento de...

ler mais
Como fazer Transcrição de Casamento em Portugal?

Como fazer Transcrição de Casamento em Portugal?

Muitas pessoas têm dúvidas a respeito de fazer a Transcrição de Casamento em Portugal e por que isso deve ser feito. Então aqui iremos explicar, a primeira razão é que no país português todo ato civil de um indivíduo precisa ser registrado. Sendo assim, a seguir...

ler mais

Deixe um comentário aqui